Bandeira

BANDEIRA-300x225A Bandeira do município fora instituída pela Lei nº 111/75 de 16 de maio de 1975, que tem como cores oficiais o verde e o branco, em três faixas verticais com as mesmas dimensões, representando:

a) o verde, a riqueza do solo e a esperança na crescente afirmação dos empreendimentos no município;

b) o branco, a mensagem de paz de seu povo.

Consta ainda que a cor verde é disposta nas faixas das extremidades externas, e a cor branca na faixa do centro da bandeira. Por sua vez, no centro da faixa branca consta o brasão do município.

Brasão

brasaoilopolis-286x300O Brasão foi oficializado como símbolo do município através da Lei Municipal nº 1248/2001 de 10 de outubro de 2001, com as seguintes figuras representativas:

– TORRES: 04 Torres simbolizando os Três Poderes: Executivo, Legislativo e Judiciário e a 4ª torre simbolizando o Povo;

– A CRUZ: Simboliza a fé de nosso povo;

– O LIVRO: Simboliza a cultura;

– O PINHEIRO ARAUCÁRIA: Representa os pinheirais, o verde de nossas matas;

– GALHOS VERDES: Simbolizam a erva-mate:

– Conterá ainda a inscrição 26-12-1963 (data da emancipação político administrativa do Município) e, por fim o nome da cidade Ilópolis.

Hino

O Hino do Município de Ilópolis, instituído com símbolo do Município, teve sua letra e música criada por Roni Peterson (pseudônimo), autor da letra Sr. Reonil Domingos Tesser, e foi oficializado pela Lei Municipal nº 1397/2003 de 13 de novembro de 2003.

Letra do hino:

És o sonho de quem vive aqui
E te tem como um lar de amor
Um cantinho lindo e pequenino
Muito grande é o teu valor

Imigrantes outrora vieram
Pra fazer o teu nome aparecer
Fica em nós o grande compromisso
De preservar-te e fazer-te crescer

Tuas paisagens retêm a história
Os ervais é teu nome quem diz
Ilópolis não me sai da memória
Eu te adoro ó cantinho feliz Tua bandeira liberta e culta
Determina a verdade e a esperança
Caminhada de homens que lutam
Em prol desta terra que avança

Berço livre os teus filhos te amam
No teu seio eu quero ficar
Paz e glória ó terra querida
És meu chão minha vida e meu lar

Tuas paisagens retêm a história
Os ervais é teu nome quem diz
Ilópolis não me sai da memória
Eu te adoro ó cantinho feliz.