Lâmpadas LED melhoram a iluminação pública

A Administração Municipal de Ilópolis buscando melhorar ainda mais a iluminação pública está substituindo as lâmpadas tradicionais por lâmpadas de LED.

As primeiras a serem substituídas foram em torno da Praça Itália, em frente ao Hospital Leonilda Brunet e ao Ginásio de Esportes do Colégio Estadual. Segundo o secretário de Obras Luis Carlos Tomasini, o Lisca, conforme as lâmpadas forem queimadas serão substituídas por lâmpadas de LED.

O custo das lâmpadas em LED é superior as tradicionais, porém a economia de energia para o município é maior, além de melhorar a iluminação e deixar a cidade mais bonita, afirma Tomasini.

 

 

 

 

 

Concurso fotográfico será uma das novidades da Semana da Pátria

A Secretaria de Educação de Ilópolis se prepara para a programação da Semana da Pátria 2019 que inicia no dia 20 de agosto. As atrações estão previstas para ocorrerem até o dia 7 setembro, na Pira da Pátria na Praça Itália. Entre elas consta a chegada da centelha do fogo simbólico da Pátria; hasteamento de bandeiras; apresentações de escolas, CTG Querência do Mate e da Banda Municipal de Serafina Corrêa.

Conforme a secretária de Educação, Sandra Maria Faion Forti, o tema deste ano foi escolhido por meio de votação popular. Sugestões foram colocadas para votação no site da prefeitura, para que comunidade local e escolar decidissem. “Com os votos computados, 37,9% dos votantes optaram pelo tema ‘Ilópolis, um lugar para se viver e encantar’. Dessa forma, toda a programação foi estruturada sobre esse tema”.

Sandra destaca que um dos diferenciais da Semana da Pátria é a realização de um concurso fotográfico para amadores. “O concurso que terá o mesmo tema da programação, irá mostrar as belezas de Ilópolis, já que é um lugar para se viver e encantar. Essas fotos participarão de uma exposição que inicia no dia 7 e depois será itinerante, indo para o Moinho e para lugares com maior circulação de pessoas. Nossa intenção é aproveitar tudo, porque o pessoal faz fotos maravilhosas, mas que ficam muitas vezes apenas nas redes sociais”.

O concurso fotográfico tem o objetivo de proporcionar aos amantes da fotografia a oportunidade de registrar as diversidades patrimoniais, naturais e humanas, que possam, sob análise mais aprofundada, retratar o município a partir do tema proposto. As inscrições serão realizadas de 10 a 28 de agosto, de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h30min e das 13h30min às 17h na Secretaria de Educação, mediante entrega do material fotográfico, dados pessoais e autorização de uso de imagem. O regulamento e demais informações estão disponíveis no site da prefeitura ou pelo telefone (51) 3774-1107 com Angélica.

O autor da foto mais curtida na página do Facebook do município de Ilópolis será premiado no dia 07 de setembro. Os participantes receberão um certificado de participação e suas fotografias poderão ser utilizadas em materiais publicitários do município.

Programa da Secretaria de Saúde quer diminuir índices de medicação

Grupo composto por assistente social, técnica em enfermagem e psicóloga atuará na Unidade de Saúde e fará visitas domiciliares

Desde o início da semana a população de Ilópolis conta com um novo programa na Unidade Básica de Saúde do município. O Núcleo de Apoio à Atenção Básica (NAAB) irá trabalhar com dependentes químicos, pessoas depressivas, que precisam de ajuda, atendimentos em grupo e individuais.

O grupo NAAB é composto por uma assistente social, psicóloga e técnica em enfermagem, que estarão na Unidade Básica de Saúde todas as segundas e sextas-feiras, restando ainda a definição do outro meio turno, para completar as 20h semanais. Para a secretária de Saúde, Ana Capra Ecker, o programa irá somar ao trabalho que já é realizado pela psicóloga que atua na mesma linha com oficinas terapêuticas e dependentes químicos, e da técnica em enfermagem que trabalha nas escolas realizando palestras. “É um programa que para o município vai ajudar muito. Como secretária de Saúde estou feliz e realizada, e acho até que Ilópolis já o devia ter a mais tempo”.

Conforme Ana, o segundo medicamento que mais tem saída na farmácia básica é o antidepressivo. “Mais do que nunca temos que trabalhar as pessoas, temos que nos ajudar e peço para quem necessitar de ajuda, que se dirija à Unidade de Saúde. Quantas pessoas tomam uma medicação que não haveria necessidade, e às vezes, uma troca de ideias ou uma simples conversa poderia ajudar muito”. Além do atendimento na Unidade de Saúde, as profissionais farão visitas domiciliares. Trabalhando com a prevenção, a ideia é diminuir a medicação.

A ideia do programa surgiu durante a participação da secretária Ana em um congresso na cidade de Gramado, em junho de 2018. Porém, quando o projeto iniciou, assim como as negociações com a 16ª Coordenadoria Regional de Saúde, era preciso que um recurso do Estado começasse a entrar para o município, o que ocorreu apenas em 24 de maio. “Com o recurso garantido, foi realizada uma nova reunião com a 16ª CRS, onde soubemos que para a implantação do programa teria que ter uma assistente social, psicóloga e técnica de enfermagem para atender toda a população e os dois ESFs. As profissionais foram selecionadas via processo seletivo. Tenho certeza que vou aprender muito com elas”.

A assistente social Nilva Roman, que é de Ilópolis, se alegra em ver que o município foi contemplado com essa verba. “Já trabalhei em outros municípios, que também tinham esse projeto, e fico feliz em vir trabalhar aqui e principalmente nessa saúde, pois hoje em dia a gente vive em um mundo tão agitado, tão cheio de cobrança, que não tem muita gente para ouvir, dar atenção, ser acolhido”. Segundo ela, por meio do sofrimento fica mais fácil das pessoas dizerem que vão para o médico, do que aceitar que estão sofrendo, sem vontade para viver.

“Para o município implantar o NAAB teve que apresentar um projeto que passa pelo crivo da 16ª CRS. Com a confirmação da verba, há critérios, objetivos gerais e específicos para se gerenciar, além de prestar contas disso perante o Estado. O NAAB vem para ter acolhida entre os próprios profissionais, para que a equipe se apoie e crie estratégias dentro dessa realidade de sofrimento, de dependência, dificuldades na saúde mental. Não é só a dor física, mas a doença emocional também precisa ser tratada”, destaca Nilva.

Para a psicóloga de Nova Alvorada, Natália Campagnolo, que também atua no Hospital Leonilda Brunet, o objetivo do programa é apoiar, de alguma forma, toda a estrutura que se tem na saúde do município. “Vamos ver como estará daqui a seis meses a questão da medicação, porque muitas vezes a queixa da dor no braço, da dor na perna, é na verdade, a forma de se buscar ajuda. Na maioria dos casos, só uma conversa já resolveria muita coisa. E o programa está aí para isso, para prestar esse tipo de assistência e auxiliar todas as equipes presentes dentro da saúde de Ilópolis”.

Trabalhando por muitos anos no hospital da Capital Gaúcha, a técnica em enfermagem, Sidirlei Bertoncelli, de Porto Alegre, também integra o NAAB. “Estou aqui para agregar um pouco mais de conhecimento e para colocarmos em prática o NAAB que veio para somar para o município. Acredito que a população vai ficar muito feliz com esse programa que vai ajudar muito”.

Os Núcleos de Apoio à Atenção Básica foram criados em 2011, considerando 80% dos municípios gaúchos com até 16 mil habitantes que, por critérios populacionais considerados na época, não podiam implantar NASF, bem como a necessidade de pensar políticas específicas para esses municípios de pequeno porte.

Reunião apresenta diagnóstico da erva-mate no município

Apresentação do estudo é uma das ações desenvolvidas pelo curso de rastreabilidade da erva-mate

                Famílias envolvidas no curso de rastreabilidade da erva-mate, em parceria com o Sebrae e Senar, participaram, na tarde de terça-feira, de uma reunião com os instrutores das duas entidades. O encontro, realizado na Câmara de Vereadores de Ilópolis, serviu para discutir e avaliar o que foi diagnosticado nas visitas técnicas.

As visitas técnicas ocorreram nas 20 propriedades parceiras do projeto Juntos para Competir, sendo 19 situadas em Ilópolis e uma em Arvorezinha. Durante essas visitas, foi aplicado um amplo questionário, abordando diversas questões. Entre elas se a produção de erva-mate é convencional ou orgânica; se os participantes sempre foram produtores ou se já trabalharam fora da propriedade; se a produção é em céu aberto ou túnel; se o local possui irrigação; se há uso de defensivos agrícolas; caracterização do produto; questão ambiental da propriedade, entre outras.

Neste primeiro momento, se constatou que no quesito de área utilizada para a produção de erva-mate, 16 das propriedades têm área superior a 5 hectares e quatro que utilizam uma área de 1 a 5 hectares. Além disso, em 16 delas, a erva-mate é a principal fonte de renda da família. Em relação ao sistema de plantio adotado, 100% das propriedades realizam o transplante nas mudas.

Entre as principais dificuldades relatadas para o desenvolvimento da atividade está a falta de mão de obra, respaldo de sementes ou mudas de qualidade, falta de assistência técnica, dificuldade em vender o produto, financeira e até mesmo o clima. Quanto ao planejamento, o estudo apresentou que 12 das propriedades têm um cronograma ou organização de plantio, de colheita e atendimento ao cliente, enquanto que oito não fazem nenhum tipo de planejamento das atividades.

Quanto à preocupação de sucessão rural dentro da propriedade, 18 dos produtores relataram que existe essa preocupação e dois que não. Além disso, essa sucessão já ocorre em 18 dessas propriedades. Quanto à comercialização do produto, a maioria dos produtores respondeu que esse processo é feito por meio de ervateiras, outros em eventos, feiras ou supermercados. O último questionamento se deu em torno da rastreabilidade, sendo que das 20, apenas uma é rastreada.

A gestora de projetos do agronegócio do Sebrae, Kathleen Krüger, concluiu com esse diagnóstico, que os produtores estão com vontade de se profissionalizar. “A partir dessa análise eles já estão fazendo o caderno do campo, para que produção tenha um planejamento e organização, desde o cultivo até a venda do produto. Além disso, no ano que vem participarão de uma capacitação sobre as boas práticas agrícolas”.

Com dois de duração, o curso ministrado em parceria com entidades possui aulas teóricas, práticas, além de visitas de profissionais e técnicos nas propriedades para discutir com a família o dia a dia no local em relação ao manejo e cuidados com a erva-mate. Um dos principais objetivos do curso é oportunizar aos produtores a se prepararem para aquilo que o consumidor está buscando.

O próximo passo do curso ocorre no dia 13 de setembro com um dia de campo na propriedade de Armelindo Rabaiolli, na localidade de Santos Filhos, onde será abordado manejo, cobertura de solo, poda e manejo do erval.

Secretaria de Agricultura inicia trabalho de construção de açudes

 

A Secretaria de Agricultura de Ilópolis iniciou nesta semana o trabalho de abertura de açudes em oito propriedades do município. O projeto faz parte do Programa Estadual de Apoio à Ampliação da Estrutura Rural, beneficiando pequenos agricultores a construírem reservatórios de água para períodos de estiagem e irrigação.

Conforme o chefe do escritório da Emater, Fabiano Zenere, os agricultores contemplados com o programa foram escolhidos por meio do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural. “Em cada projeto está incluso até 24h de serviço de escavadeira hidráulica, sem custos para o produtor. Se o tempo permitir, o processo de abertura deverá estar finalizado na primeira semana de agosto”.

Para o próximo ano, a ideia é tentar encaixar o município em outro lote. Para isso, Zenere lembra que os produtores interessados devem se inscrever na Emater ou na Secretaria de Agricultura. O projeto, segundo ele, foi uma conquista do município junto ao Governo do Estado, sendo que o objetivo é incluir Ilópolis em mais programas que beneficiem os produtores rurais.

Um dos produtores contemplados é Mauro de Paula, da comunidade de Linha Santo Antônio. O trabalho com o maquinário iniciou na tarde de quarta-feira. Segundo ele, havia dois anos que estava aguardando por isso. “É algo que vem muito bem e em boa hora, pois uma propriedade sem água não serve para nada. O melhor de tudo é que vou ter água a mais, pois se algum tiver problemas com estiagem, terei uma reserva para dar água aos animais. Além disso, posso usar o espaço para criar alguns peixes, tanto para consumo próprio como para comercialização”.

Incentivo fomenta a industrialização de erva-mate

A Ervateira Cultura Gaúcha, localizada em Linha São Francisco, Ilópolis, aumentou sua produção mensal após ser contemplada com incentivos da Secretaria de Agricultura. O auxílio, de cerca de R$ 10 mil, concedido no final do ano passado, incluiu britagem e serviço de maquinário.

Um dos proprietários, Sidmar Provensi, elogia o acompanhamento e auxílio da Secretaria de Agricultura durante a obra, destacando a importância do incentivo. “Hoje nossa produção gira em torno de 30 mil quilos por mês. Antes da obra, isso não era possível, mas, com a conclusão, a estimativa é que a produção suba em 10 mil quilos mensais ou até mais”. Com o incentivo, a empresa conseguiu instalar o secador, não necessitando mais terceirizar o serviço.

Com três anos e seis meses de fundação, a matéria-prima da empresa familiar é 80% oriunda dos ervais próprios, e os demais 20% provenientes de pequenos produtores rurais da comunidade. A linha de produtos inclui erva-mate tradicional, nativa, moída grossa e sem açúcar.

Para o secretário de Agricultura, Jurandir Marques, esse incentivo para as empresas têm como objetivo dar continuidade à sucessão rural na propriedade, o aporte de renda e, principalmente, oportunizar que o processamento da matéria-prima seja realizado na própria propriedade.

 

Administração adquire veículos

A Administração Municipal de Ilópolis recebeu dois veículos novos que foram adquiridos com recursos próprios e que servirão para atendimento, no total foram investidos R$247 mil.

Na Montana foram investidos R$56mil ela estará à disposição da secretaria de obras. Já na Sprinter foram investidos R$191 mil, ela será utilizada na secretaria de saúde para o transporte de pacientes.

Segundo a secretária de Saúde Ana Capra Ecker o investimento em um veículo novo vem garantir mais   conforto as pessoas que necessitam se deslocar para atendimentos médicos em outros municípios.   

Semana da Pátria 2019 terá Concurso Fotográfico

A Secretaria Municipal de Educação e Cultura de Ilópolis está realizando durante o mês de agosto, com culminância na Semana da Pátria, um Concurso Fotográfico com o objetivo de proporcionar aos amantes da fotografia a oportunidade de registrar as diversidades patrimoniais, naturais e humanas, que possam sob análise mais aprofundada, retratar o munícipio sob o tema: “Ilópolis, um lugar para se viver e encantar”.

Maiores informações no site da Prefeitura Municipal ou pelo fone (51) 3774 1107 com Angélica.

Confira o regulamento AQUI

 

Campeonato Regional de Futsal inicia sexta-feira

   O Ginásio Poliesportivo Girolamo Sanson receberá 36 times que participarão do Campeonato Regional de Ilópolis. O evento já é considerado um sucesso pelo secretário de Turismo, Desporto e Lazer, Marle Marques que está na coordenação juntamente com o presidente do CMD Alexandre Campo.      

            “Temos times de toda a região, serão grandes jogos”, destaca Marques. Participarão do campeonato   24 times na categoria livre, seis na categoria veteranos classe 80, e seis na categoria feminino.  

          O campeonato inicia na sexta-feira, 26, às 19h, com o pontapé inicial. Os jogos serão realizados todas às sextas-feiras. 

            Confira os jogos desta sexta-feira: 

 

Confrontos do Campeonato Regional de Futsal de Ilópolis
Horario Categoria Time Time
19h Livre MDV/Betel Alimentos x ASSIF
19h50min Veteranos Gramadinho x Benfica
20h30min Livre DJFC X Parceria do Barraco
21h20min Livre Acvb x EGM
22h10min Livre Guarani / Sicredi x Kavitcha

Moradores de Linha Peca comemoram início das obras de quadra coberta

 

            Com a terraplanagem concluída, tem previsão para começar na próxima semana a obra de construção da quadra coberta da comunidade de Linha Peca. Aguardada há anos pelos moradores, a execução do projeto foi possível a partir de uma emenda do deputado federal Alceu Moreira (MDB).

O valor total do investimento é R$ 286.137,00, sendo que R$ 243.750,00 é de emenda parlamentar e o restante de contrapartida do município. A empresa Troian Engenharia e Construções LTDA venceu a licitação e é responsável pela obra. O projeto prevê a construção de uma quadra coberta, ficando os demais locais sob a responsabilidade da comunidade. A área de 420 metros quadrados para a construção do espaço foi doada pelas famílias Paniz e Grando.

Morador da comunidade, Waldir Chiesa se alegra com a notícia da obra. Segundo ele, a construção de um espaço mais amplo para a realização das festas era aguardado há mais de 30 anos pelos moradores. “Na medida que dava aumentamos o salão, porém a área era muito pequena. A obra vem em boa hora, pois em dias de festa enfrentávamos vários transtornos para abrigar as pessoas”. O novo espaço deve comportar cerca de 900 pessoas.

Chiesa lembra que há seis anos um grupo de moradores luta para oferecer mais conforto aos visitantes das festas da comunidade. Assim, com o auxílio da vereadora Clenir Lopes da Silva, a reivindicação foi repassada ao deputado Alceu Moreira durante visita à região. “Importante ressaltar que todas as diretorias foram fundamentais para que esse projeto se concretizasse”. 

Nelmar Dalazen, também morador da localidade, garante que o início da obra é a realização de um sonho de muitos anos aguardado pela comunidade. “Nossa instalação aqui é muito precária, e queremos um espaço melhor para acolher as pessoas que vêm em uma janta ou festa, para que se sintam à vontade”.

Percebendo a necessidade de um espaço maior para a realização dos festejos da comunidade, as famílias Paniz e Grando, que estão dispostas a ajudar no que for preciso, se responsabilizaram pela doação da área de terras. “É um sonho da comunidade há muito tempo e que deve se sentir orgulhosa pela conquista. Doamos mais de 400 metros quadrados e se precisar doamos ainda mais para oferecer mais conforto aos visitantes”, destaca João Carlos Grando.

             O prefeito de Ilópolis, Edmar Pedro Rovadoschi, também comemora a liberação do recurso para a obra muito aguardada pela comunidade. “Depois de muita luta, saiu nesse mês a ordem de início das obras do ginásio de Linha Peca. A comunidade nos cobra e com razão. Mas com esforço deu tudo certo e a obra inicia nos próximos dias”.

            Além desse, outros projetos estão em processo de licitação ou aguardando a ordem de início. Um exemplo é a reforma da Escola Emafa, que está com licitação aberta, e deve iniciar nos próximos meses. O projeto aprovado em R$ 350 mil com recursos do Fundo Nacional do Desenvolvimento da Educação (FNDE) prevê reparos gerais no prédio como pintura, troca de calhas, pisos e portas, melhorias na drenagem, além da reforma geral no telhado. Outro projeto já licitado em R$ 230 mil é o da reforma do Parque de Eventos.

 

1 2 3 12